Cosud SP

Home » Estados criarão sistema de informação esportiva para integrar políticas e medir resultados
Share

Estados criarão sistema de informação esportiva para integrar políticas e medir resultados

Grupo de trabalho pretende aumentar a cooperação de informações e boas práticas no Esporte e integrar ações para suas populações com parcerias intersecretariais

Políticas exitosas, boas práticas, calendário de competições alinhado entre os Estados e o investimento em dados sobre a atividade esportiva e seu impacto populacional ganharam as discussões do grupo de trabalho (GT) de Esportes neste segundo dia de reunião do Consórcio de Integração Sul e Sudeste (Cosud).

Representantes de São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Espírito Santo caminham agora para a criação de um sistema de informação esportiva compartilhado para solidificar as ações e garantir a continuidade de programas e políticas públicas por meio de resultados baseados em estudos.

“Todos sabem dos benefícios que o esporte traz para a população. Nosso desafio como consórcio é gerar essas informações. Com esse encontro presencial, aqui em São Paulo, dedicando tempo e atenção, conseguimos aprofundar alguns temas e estreitar relações”, pontuou Bruno Ortiz Porto, diretor geral da Secretaria de Esportes e Lazer do Rio Grande do Sul.

Desde o primeiro dia de discussões, a integração das políticas atuais com as demais pastas de governo foi tema recorrente da pauta. Os participantes defenderam mais sinergia entre o esporte e a educação, bem como, com a saúde, com o desenvolvimento social, com o turismo e com a cultura, por exemplo, para impactar suas populações.

“Aprendemos com cada uma das apresentações feitas nestes dois dias e, assim, vamos oferecer para a população serviços mais qualificados na área do esporte”, comenta Dilson José de Quadros Martins, assessor técnico da Secretaria de Esportes do Governo do Paraná.

Estreitando vínculos

Anfitriã do grupo, a secretária de Estado de Esportes de São Paulo, coronel Helena Reis, frisa que o encontro e as discussões vão além das fronteiras. “Nosso foco aqui é construir um legado para o Esporte e para a sociedade. É isso que a nossa gestão busca. O esporte, vai além da prática esportiva, atrai investimento, promove qualidade de vida, é inclusivo e tem mostrado que é um transformador social”, disse.

Para o presidente da Superintendência dos Desportos do Rio de Janeiro (Suderj), Renato de Paula, os encontros do Cosud têm sido enriquecedores. “Estamos consolidando o que já foi pré-definido em outros conselhos. Tivemos a oportunidade de ouvir tanto a academia quanto o terceiro setor. Estamos aprendendo cada vez mais com a iniciativa de outros estados para acelerar a entrega para a população fluminense”, afirmou.

A primeira rodada de palestras do Consórcio de Integração Sul e Sudeste (Cosud) com o grupo temático de esportes, iniciada nesta quinta-feira (19), foi dedicada a exposições e estudos focados na importância da atividade física e no esporte como ferramenta de inclusão.